11º Dia da Quarentena do Jejum de Jesus

A Casa de Oração para todos os povos
Também os levarei ao Meu Santo monte e os alegrarei na Minha Casa de Oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no Meu Altar, porque a Minha Casa será chamada Casa de Oração para todos os povos. Isaías 56.7
Na inauguração do Templo, Salomão fez uma das mais longas e belas orações das Sagradas Escrituras. Ele louvou a Deus por Sua fidelidade em guardar a Sua aliança e misericórdia com todos os que são sinceros diante dEle e que guardam os Seus caminhos e os Seus preceitos. Ele reconheceu que nem mesmo o Universo, em toda sua grandeza e plenitude, seria suficiente para conter a glória do Todo-Poderoso, quanto mais o Templo que ele havia construído.
Isso é fácil de compreender: uma obra, por mais magnífica que seja, jamais será maior do que aquele que a criou. A ciência descreve o Universo como infinito, mas não sabe explicar com exatidão como ele está se expandindo. Na realidade, apenas o Criador de tudo e de todas as coisas visíveis e invisíveis é que é verdadeiramente INFINITO! O céu é o trono do Altíssimo, mas Ele habita também com o humilde e abatido de espírito Isaías 57.15.
A intenção do Eterno sempre foi de habitar com Seu povo, de estar no meio dele e de ser glorificado por ele. Quando o Senhor Jesus veio a este mundo, foi o Próprio Deus que veio habitar com Seu povo fisicamente. Por isso foi chamado de Deus Emanuel, que significa "Deus conosco".
Ele entrou no Templo e disse: A Minha Casa será chamada de Casa de Oração...Mateus 21.13
O Senhor Jesus honrou aquele Lugar Sagrado e não permitiu que fosse profanado. Ali estava o Altar do Sacrifício, que representava o Próprio Jesus. Salomão fez menção do Altar na sua oração. E pediu a Deus que todos que orassem com as suas mãos estendidas para o Templo fossem atendidos. Mesmo o estrangeiro que não pertencia ao povo de Israel, se orasse com fervor com as mãos estendidas para aquela Casa, seria atendido.
De fato, o Templo era o Altar de Deus sobre a Terra. O Lugar onde os sacrifícios que representam a mais alta expressão de fé eram apresentados e aceitos por Ele. Ali estava a garantia da resposta Divina em qualquer situação de perigo e calamidade que Israel enfrentasse. Naquele Local viriam o livramento e a proteção. Por isso, o rei Josafá, quando estava em perigo pela ameaça de um grande exército que vinha contra ele, congregou todo o Judá na Casa do Senhor para pedir socorro 2 Crônicas 20.9.
O Templo era tão sagrado que o Próprio Deus disse que colocaria ali o Seu Nome (2 Crônicas 7.16). Para sermos donos de uma propriedade, o nosso nome tem que constar na escritura, dessa forma, ao colocar o Seu Nome no Templo, o Senhor Deus o tomou para Si, como Seu Santuário na Terra. Isso mostra o Seu agrado em ter aquele Lugar como Local de culto e adoração ao Seu Nome.
É maravilhoso saber que aquele Lugar tão maravilhoso não estava restrito ao povo de Israel, mas também estava aberto a todos os povos da Terra. O Deus Todo-Poderoso quer ser glorificado por todos os povos e nações deste mundo. Repito, a Sua glória não está restrita e limitada a apenas um povo, mas a todos que O invocarem de todo o seu coração.
Nós temos anunciado a todos, inclusive às autoridades do nosso País, que o Templo que estamos para inaugurar será aberto a todos os povos deste mundo. Todos, independentemente de cultura, etnia, religião ou classe social, poderão entrar nessa Casa de Oração e buscar ao Deus de Abraão, Isaque e Israel, e por Ele ser salvo e abençoado. A glória do Altíssimo será vista nesse Lugar e todos O conhecerão e verão a Sua grandeza e majestade.
Creio que o que está para acontecer é tão extraordinário que a nossa mente ainda não foi capaz de captar. Esta palavra vai se cumprir: Nem olhos viram, nem ouvidos ouviram, nem jamais penetrou em coração humano o que Deus tem preparado para aqueles que O amam. 1 Coríntios 2.9

By Sede Vila Sônia with No comments

0 comentários :

    • Popular
    • Categories
    • Archives